topbella

12 de nov de 2010

Minha Antiga Vida... Leia

Quem sabe você não está assim também?

Eu me lembro o quão difícil foi para eu conseguir nascer de Deus.
Eu tinha um coração duro, de pedra, tinha minha opinião formada sobre quem era Deus.
Eu sempre tive o costume de orar em momentos difíceis da minha vida, buscar forças etc. Porém eu tinha uma opinião muito teórica sobre quem era Deus, todos falavam sobre Ele, mas eu nunca tinha O conhecido de perto.
 Me baseava nas estátuas de 'santos' : Maria, São Jorge, Jesus, e entre outros "mestres" seguidos pelo espiritismo, doutrinas impostas pela Igreja Católica, Espiritismo e Messiânica.
Todos aqueles rituais, simpatias e doutrinas que praticávamos não traziam resultados eficazes para nossa vida, como as pessoas nos diziam. Parecia de fato, que estávamos andando em círculos.
Éramos marionetes nas mãos do diabo, e o pior : sem saber.
Eu continuava sendo uma criança frustrada, com traumas, medos, vendo vultos, ouvindo vozes, doente, rebelde. As atitudes que eu tomava com minha família, e com minha mãe principalmente, não partiam de mim, mas de alguém dentro de mim que me manipulava, falava comigo e me mandava fazer coisas terríveis.
Mas Deus com sua infinita misericordia, me deu uma chance de dar um passo em direção a Ele.
Deus me tomou do império das trevas e me trouxe para o Reino dEle.
Minha mãe através do programa de televisão quis conhecer melhor o trabalho da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD), com o tempo ela foi me levando.

O primeiro resultado que aconteceu na minha vida foi a LIBERTAÇÃO.

Nós sempre íamos as terças e sextas, dias os quais acontecem sessões de limpeza espiritual. E conforme eu fui participando das correntes, perseverando, eu fui me modificando. Passei a não ouvir mais vozes, e nem ver vultos, fui curada de uma doença de pele que eu tinha, meu comportamento em casa foi se modificando e eu passei a ser livre.
Aí está a importância de você participar de correntes de libertação que acontecem em uma IURD próxima a você. Não deixe de participar, garanto que verá grandes diferenças. Assim como aconteceu comigo!

O segundo passo foi o BATISMO NAS ÁGUAS.

O batismo nas águas simboliza o sepultamento da velha criatura que há em nós. Ou seja, a partir daí nós deixamos de praticar o que agrada a nossa carne: mentiras, idolatria, ira, avareza, vaidade, orgulho, luxúria, maus olhos etc... Enfim todo mundo sabe o que faz de errado.
Está escrito na Bíblia: (Marcos 16:16) - Quem crer e for batizado será salvo; mas quem não crer será condenado.
O batismo de uma criança não é válido,pois a criança é pura e inocente, não tem pecados. Temos que seguir o exemplo de Jesus, que foi batizado já na fase adulta.

O terceiro passo foi o ENCONTRO COM DEUS.
Falarei sobre ele no próximo post ..
Até mais.

Nenhum comentário:

About Me

Minha foto
Uma simples serva do Altíssimo, disposta a lhe ajudar e orientar de acordo com os preceitos bíblicos.