topbella

2 de abr de 2011

Perguntas e Respostas sobre a Vida Sentimental !


Vida Sentimental, não podemos fugir desse assunto!
Para alguns esse é um assunto despreocupante pois não querem saber de compromisso sério, para outros se trata de um assunto extremamente preocupante pois querem ser felizes, não querem se frustrar, e namorar, noivar e casar de acordo com a vontade de Deus.

Irei começar no meu blog uma série de perguntas e respostas sobre a vida sentimental!

Se você namora e já tem certeza de que seu namorado é a pessoa certa, as próximas matérias do meu blog serão ótimas para você;
Se você tem algumas dúvidas sobre o namoro, será melhor ainda;
E se você não namora, ou não pensa nisso no presente, essa série aqui no blog será excelente para você também. Pois  poderá se prepará, e quando o futuro chegar saberá tomar as decisões certas de acordo com a vontade de Deus!

Se você tiver alguma dúvida sobre o assunto, que gostaria que eu esclarecesse aqui no blog, poderá enviar um e-mail para secretariadani-iurd@hotmail.com

Espero que seja proveitoso para vocês,

Na fé, Danielle Boyer !

29 de mar de 2011

Encha a sua casa com provas de amor.

Transforme a sua casa em um santuário emocional. Use a sua criatividade para externar seus sentimentos mais valiosos e nutritivos.

 Por mais simples que seja sua residência, ela pode tornar-se um jardim do Éden, onde a música da alegria é ouvida por todos.

Viver o bom relacionamento conjugal não é viver de aparências. Quantas pessoas moram em palácios, mas se sentem dentro de um campo de concentração nazista?

Talvez você esteja se perguntando: “Como eu posso encher a minha casa com provas do meu amor?”

A palavra-chave é: seja coerente.

Se pela manhã você diz ao cônjuge: “Amo você”, porém à tarde o agride, dizendo: “Odeio os seus pais”, está sendo incoerente.

Quando declaramos verbalmente o nosso amor, precisamos validar essa declaração por meio das nossas atitudes e de nosso comportamento.

Outra forma de encher sua casa com provas de seu amor, transformando-o em um santuário emocional, é provendo alegria, pacificando (construindo pontes que ligam um coração ao outro), sendo paciente, benigno, bondoso, fiel, manso e uma pessoa autodisciplinada (Gl 5.22,23).

Sua casa pode ser o melhor lugar do mundo se ela for uma “central terapêutica do amor”, pois só o amor transforma pedras em pães e corações de pedra em corações de carne. Dicas que podem ajudar:

1. Dê cinco abraços por dia no seu cônjuge e em cada em de seus filhos;
2. Não saia de casa sem dar no seu cônjuge um beijo acompanhado de um toque significativo;
3. Deixe, às vezes, um bilhete com uma palavra de elogio, gratidão ou amor;
4. Surpreenda seu cônjuge na hora da refeição com uma declaração de afeto, do tipo: “Que bom que estou aqui com você!”, “que delícia de família!” ou “como está gostosa essa refeição!”
5. Demonstre, de forma criativa, o valor dos pais dele, provendo um almoço em casa e convidando-os de forma especial.
6. Ponha no quarto de vocês um porta-retratos com uma foto em que os dois estejam abraçadinhos, para lembrar os momentos de afeto.
7. Deixe que seus filhos vejam vocês demonstrando carinho e afetuosidade um para com o outro.
8. Grave na secretária eletrônica uma mensagem de “bom dia” bem romântica.
9. Quando terminar de orar às refeições ou à noite com a família e levar as crianças para a escola, abençoe-as com promessas de Deus.

O apóstolo Paulo, sob inspiração divina, escreveu a mais completa descrição do amor que todos precisam conhecer para viver:

Ainda que eu falasse a língua dos homens e dos anjos, e não tivesse amor, seria como o metal que soa ou como o sino que tine. E ainda que tivesse dom de profecias, e conhecesse todos os mistérios, e toda a ciência, e ainda que tivesse toda a fé, de maneira tal que transportasse os montes, e não tivesse amor, nada seria.

E ainda que distribuísse toda a minha fortuna para sustento dos pobres, e ainda que entregasse o meu corpo para ser queimado, e não tivesse amor, nada disso me aproveitaria.

O amor é sofredor, é benigno; o amor não é invejoso; o amor não trata com leviandade, não se ensoberbece. Não se porta com indecência, não busca os seus interesses, não se irrita, não suspeita mal. Não folga com a injustiça, mas folga com a verdade.

Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta. O amor nunca falha, 1 Coríntios 13
Na fé, Danielle Boyer.

28 de mar de 2011

Com o que você tem se preocupado?

Muitas pessoas não sabem viver o presente!

É isso mesmo! Lembram do passado com saudade dos momentos bons, se entristecem pelas derrotas passadas, e se preocupam como será o seu futuro.

Ah bons tempos aqueles! Queria poder voltar no tempo!

Se você é uma das pessoas que as vezes se pega pensando dessa forma tenho um recadinho de Deus para você:

Eclesiastes capítulo 7, versículo 10 :
"Jamais digas: Por que foram os dias passados melhores do que estes? Pois não é sábio perguntar assim."

O melhor de Deus está por vir!

Mas se você é uma das pessoas que vivem preocupadas sobre o seu futuro. Também tenho um recadinho de Deus para você:
Eclesiastes cáp.10, versículo 9:
"Alegra-te, e recreie-se o teu coração, anda pelos caminhos que satisfazem ao teu coração e agradam os seus olhos; sabe, porém que de todas estas coisas Deus te pedirá contas. Afasta, pois, do teu coração o desgosto e remove da tua carne a dor."

"Lance sobre Deus toda a vossa ansiedade, porque Ele tem cuidado de vós" 1Pedro 5

Aprenda a viver cada dia da sua vida como se fosse o último. Aproveite a cada minuto, o que Deus tem para te oferecer nessa vida.

Na fé, Danielle.

Como as esposas devem agir com seus maridos incrédulos?


O ideal é que a pessoa nascida de Deus se case com alguém da mesma fé, também com uma pessoa nascida de Deus, que apresente os frutos do Espírito Santo.

Só que as vezes a mulher se converte ao Senhor Jesus depois de ter se casado. E seu marido não se converteu ainda, e isso a deixa triste, abatida e fraca na fé.
Pois seu maior desejo é ver seu marido do lado dela na igreja, buscando ao Senhor, convertido, transformado assim como ela.

Vamos ver o que nos ensina a palavra de Deus sobre isso:

" Mulheres, sede vós, igualmente submissas a vosso próprio marido, para que, se ele ainda não obedece à palavra, seja ganho, sem palavra alguma, por meio do procedimento de sua esposa, ao observar o vosso procedimento cheio de temor." 1Pedro 3

Muitas mulheres convertidas não aplicam essa palavra no seu casamento. Continuam agindo com seu esposo da mesma forma de que agia antes de se converter.

Quando ele chega cansado cheio de reclamações, ela não se cala, não o compreende, mas começa a discutir e falar do que está precisando mudar em casa, do que está precisando comprar, começa a reclamar do seu dia, da falta de atenção dele para com ela etc.

É relaxada com as coisas de casa, não é carinhosa com seu esposo, e nem tãopouco compreensiva.

E ainda quer leva-lo para a igreja. Agora eu lhe pergunto: Qual seria o motivo pelo qual o seu marido iria querer permanecer na igreja, se ele não vê a mudança, a transformação do próprio comportamento da esposa?

Como está escrito no versículo acima, ele não se converterá com palavras, mas sim observando o procedimento da esposa, cheia de temor.

Então sejam sábias e aprendam a lutar pelo seu casamento!
Seja a mudança que quer ver no seu esposo.

Comece mudando seu comportamente em casa, seja compreensiva, atenciosa. Por mais que o seu dia não tenha sido um dos melhores, demonstre interesse em querer saber como foi o dia dele, deixe-o desabafar.
Seja caprichosa com as coisas de casa, e com sua aparencia também. Não seja relaxada!
Não fique com qualquer roupa, na presença do seu esposo.

Quando vierem as discussões, aprenda a se calar, e a compreender o lado dele. Se isso não for possível não responda nada!
Mas vale o silêncio do que palavras duras. 
Está escrito : O justo não se justifica.

Continue a orar por ele. Ore sem cessar.



Na fé, Danielle Boyer.

Você está apaixonado? Leia!


A palavra de Deus diz em 1 Pedro capítulo 2 versículo 11 e 12 o seguinte:

"Amados, exorto-vos, deixem as paixões carnais, que fazem guerra contra a alma, mantendo exemplar o seu procedimento no meio dos gentios, para que, naquilo que falam contra vós outros como malfeitores, observando-vos em vossas boas obras, glorifiquem a Deus."

Podemos observar nesses versículos o grande perigo que há nas paixões carnais, as quais mantem guerra contra a alma.

Talvez caro leitor você possa está enquadrado nessa situação. Você casado(a), comprometido, está alucinado por uma paixão carnal. Paixão por outra pessoa a qual não seja seu/sua esposo(a).

Tudo começou de uma forma sutil, e hoje você já está envolvido, de tal forma que não passa uma hora se quer sem pensar na outra pessoa.

Você acorda, trabalha, estuda, come, respira a outra pessoa.

Foi como se ela tivesse te enlaçado de uma forma a qual você não sabe explicar. E seu casamento, seu compromisso está se esfriando, está cada vez mais indiferente, desgastado.

Você sempre foi uma pessoa correta, íntegra, mas de uns dias para cá não sabe o que aconteceu com você para está tão apaixonado(a).

Caro leitor, desperte hoje e saia imediatamente dessa paixão carnal que só te levará para o abismo.

Conheço a história de um metalúrgico que era casado e tinha 2 filhinhas. Ele era de uma religião tradicional, mas sempre foi uma pessoa temente, respeitadora e fiel a sua esposa.

Na sua empresa chegou uma secretaria nova.
E ele logo se apaixonou a primeira vista pelo nariz dela, por incrivel que pareça.
Ele olhava para o rosto da moça, a qual também era casada e tinha um filho, e ficava louco de paixão.
Suas mãos também pareciam feitas pelo próprio Deus, devido a tanta perfeição e delicadeza.

Os dias foram passando e a paixão só aumentando.

No final já estava rolando um clima entre os dois.

E o casamento dele já estava frio, indiferente. Ele já não via sua esposa como antes. Mas 24horas do seu dia ele pensava na secretaria, no seu nariz e nas suas mãos.

Até que um dia através de uma pregação, a palavra de Deus o fez despertar. Ele imediatamente abandonou aquela paixão carnal e se converteu ao Todo Poderoso.

E depois de ter caído as escamas que o próprio satanás colocava em seus olhos, ele viu o quão feia era aquela secretaria. Ele viu que estava completamente louco, iludido e alucinado.

O nariz da secretaria era torto e suas mãos, calejadas, pareciam mãos de trabalhador, toda defeituosa.
Ele não soube como pode se apaixonar por tal pessoa.

Largou o pecado, e hoje seu casamento e sua família são abençoados.

Quem causou essa situação toda foi o próprio diabo, e talvez você esteja assim também, dando corda para as armadilhas dele.
Portanto ouça o que diz a palavra de Deus, e pratique.
Se converta hoje ao Todo Poderoso, e largue essa paixão carnal imediatamente!

Danielle Boyer

27 de mar de 2011

Quem é o seu pai na fé?



" Todos procuram por um herói.
As pessoas precisam espelhar-se em alguém
Não tive quem preenchesse minhas necessidades...
E aprendi a ser independente

Decidi há muito tempo, não caminhar à sombra de alguém.
Se eu fracassar ou obtiver sucesso
Terei vivido acreditando em mim
Não importa o que abstraiam de mim
A minha dignidade não conseguirão..."


Esse é um trechinho da tradução da música The Greatest Love of all. E eu realmente achei muito interessante, pois retrata a realidade.

Nós seres humanos temos uma certa carência de querer ser como a pessoa que admiramos.
Todos procuramos por um herói, alguém que possamos nos espelhar.

Os filhos geralmente se espelham nos pais, os cristãos muita das vezes no seu pastor, ou bispo.
Muitas pessoas se espelham nos famosos, no seu cantor, ator, jogador de futebol favorito, etc.

Só que infelizmente você nunca conseguirá encontrar alguém digno para se espelhar, a ponto de se fazer um referencial dele, alguém que você possa dizer assim: Eu quero ser igual ao fulano! Ele é um exemplo de pessoa! Ele é meu pai na fé!

Nenhum homem no mundo merece esse título de pai na fé, de exemplo, de referencia, a não ser o próprio Senhor Jesus!
Ele é o único digno de ser espelhado, de ser um referencial.

Ele é a única pessoa no mundo que eu encontrei capaz de preencher minhas necessidades, como diz na música.
"Não tive quem preenchesse minhas necessidades..."

Se você caro leitor, olhar para algum ser humano como um exemplo, uma referência, mas cedo ou mais tarde você se arrependerá amargamente, pois ele(a) te decepcionará, não alcançará suas expectativas.

O ser humano não passa de um ser limitado, pobre, necessitado e nú.
Muita das vezes eles mergulham no mar do orgulho, da prepotência, acham-se auto suficiente, capazes, espirituais, santos e passam essa imagem para as pessoas ao seu redor. Se esquecem de que nú vieram ao mundo, e nú voltarão.
E se esquecem que prestarão contas a Deus.

" Porque tú es pó e ao pó hás de voltar " (Gn 3,19)

A música diz : " Decidi há muito tempo, não caminhar à sombra de alguém." Realmente não podemos confiar a nossa fé nas mãos de nenhum homem, nem dos seus pais, nem do seu líder espiritual, nem do seu amigo mais próximo.

Porque está escrito na palavra de Deus: Maldito o homem que confia no homem.

Eu não falo mais que pastor X é meu pai na fé, nem Bispo Y é meu exemplo, meu referencial! Não!

Mas somente o Senhor Jesus é meu pai na fé. O único que merece total confiança, respeito, admiração, referencia, temor. Ele é o único o qual devemos seguir.

Devemos falar como Ele falou, andar como Ele andou, amar como Ele amou.


Na fé, Danielle Boyer.

About Me

Minha foto
Uma simples serva do Altíssimo, disposta a lhe ajudar e orientar de acordo com os preceitos bíblicos.